Ciclo Pro.Move

ciclo

1. Identificação de potenciais candidatos e coaches
Antes do início de cada edição, a equipa Pro.Move apresenta, nas parcerias locais, o Pro.Move a desempregados com interesse em se tornarem potenciais novos candidatos.
Os desempregados interessados em integrar o projeto devem dar a indicação, junto da instituição parceira, da sua intenção de se juntar ao Pro.Move.
A instituição local parceira recolhe todas as inscrições dos desempregados interessados, e envia a lista final para a equipa Pro.Move com um breve enquadramento da experiência e motivação profissional de cada inscrito.

Paralelamente, a equipa Pro.Move organiza uma sessão de apresentação do projeto, nas universidades parceiras, a potenciais novos voluntários para as funções de coach, psicólogo ou para a equipa de Estrutura.
Define-se uma data para a entrega de candidaturas de novos voluntários (maioritariamente alunos universitários do 3.º ano ou alunos de mestrado), que devem incluir uma carta de motivação e o CV.

2. Screening e seleção
Com base nas listas de desempregados enviadas pelos parceiros locais, a equipa de Psicologia do Pro.Move agenda entrevistas individuais com cada um dos interessados.
A entrevista começa com uma explicação detalhada do Pro.Move, sendo dado espaço ao entrevistado para esclarecer todas as suas dúvidas sobre o projeto.
O entrevistador, depois de explicar com cuidado o projeto Pro.Move ao entrevistado, avalia, entre outros elementos, o nível de motivação do candidato em sair do desemprego, a postura, sua capacidade de se relacionar e nível de compromisso com o projeto.
O processo de entrevistas demora cerca de duas semanas.
Todos os entrevistados são contactados pela Equipa de Psicologia com o feedback da entrevista, quer tenham ou não sido selecionados para entrarem no Pro.Move.

Paralelamente, com base nas candidaturas recebidas dos potenciais voluntários, a equipa de Estrutura, com o apoio da Equipa de Psicologia, agenda entrevistas com cada um dos que se candidataram.
A entrevista começa com uma explicação detalhada do Pro.Move, sendo dado espaço ao entrevistado para esclarecer todas as suas dúvidas sobre o projeto.
O entrevistador, depois de explicar com cuidado o projeto Pro.Move ao entrevistado, avalia, entre outros elementos, o nível de motivação em ajudar outros que vivem mais fragilizados, a maturidade, a postura, sua capacidade de se relacionar e nível de compromisso com o projeto.
O processo de entrevistas demora cerca de uma semana.

Todos os entrevistados são contactados pela Equipa de Estrutura com o feedback da entrevista, quer tenham ou não sido selecionados para entrarem no Pro.Move.

3. Coaching e Formação
Uma vez selecionado para o Pro.Move, o desempregado passa a ser denominado “candidato”.
Cada candidato será acompanhado por uma equipa composta por dois coaches. O acompanhamento ao candidato é individual e contínuo, havendo obrigatoriedade da dupla de coaches se reunir presencialmente com o candidato de quinze em quinze dias, intercalado com contacto telefónico ou por e-mail todas as semanas.
A dupla de coaches deverá seguir o plano estruturado de acompanhamento Pro.Move, adaptando esse plano ao perfil e necessidades do candidato. Este plano abrange vários temas, como por exemplo:

  • Reflexão sobre percurso profissional
  • Construção / melhoria do CV
  • Identificação de potenciais empregadores
  • Desenho de rotina de procura de emprego
  • Sinalização para estágios, cursos e certificação
  • Preparação para entrevista
  • Desenvolvimento de estratégias de motivação

Para além do coaching, os candidatos terão acesso a Módulos de Formação standard mensais. Esta Formação é assegurada por formadores convidados em parceria com a Equipa de Psicologia. São abordados três importantes temas:

  • Técnicas de Procura de Emprego
  • Técnicas de Entrevista
  • Técnicas de Motivação e Confiança

Cada candidato percorrerá um caminho com objetivos semelhantes, mas com uma estratégia adaptada ao seu percurso, necessidades e potencial. Acreditamos que, através do coaching e das Formações, os candidatos estarão mais bem preparados para abordar e regressar ao mercado de trabalho, melhorando a sua qualidade de vida, reconquistando confiança em si mesmo e num futuro estável e promissor.
Todos os candidatos que tiverem um percurso Pro.Move consistente e comprometido e demonstrem ter assimilado as técnicas base das Formações serão reencaminhados para entrevistas com headhunters especializados.

4. Avaliação
No final de cada edição, o Pro.Move é avaliado por três vertentes:

  1. Na perspetiva dos candidatos
    Os candidatos que participaram na edição são desafiados a participarem num focus group, conduzido pela Equipa de Psicologia. Nesta dinâmica, os candidatos têm a oportunidade de avaliar o projeto, identificando, entre outros temas, o que menos os motivou durante a edição, onde se sentiram mais apoiados, de que forma sentem que foi importante o Pro.Move na sua vida.
  2. Na perspetiva dos voluntários
    Os voluntários que participaram na edição são desafiados a participarem num focus group, conduzido pela Equipa de Psicologia. Nesta dinâmica, os voluntários têm a oportunidade de avaliar o projeto, identificando, entre outros temas, o que menos os motivou durante a edição, onde sentiram que fizeram diferença no percurso do candidato, sugestões de melhoria.
  3. Na perspetiva dos parceiros locais
    É realizada uma reunião com cada parceiro local, na qual é dado feedback do percurso realizado por cada candidato da instituição. São avaliados temas como o nível de compromisso com o Pro.Move, progressos na reintegração do mercado de trabalho, evolução na motivação na procura de emprego, etc.